29/07/2020 às 13h46min - Atualizada em 29/07/2020 às 13h46min

Reino Unido fecha acordo para garantir 60 milhões de doses de potencial vacina

Reino Unido fecha acordo para garantir 60 milhões de doses de potencial vacina

Por G1
O governo britânico anunciou, nesta quarta-feira (29), a assinatura de um acordo de fornecimento para garantir até 60 milhões de doses de uma potencial vacina contra o novo coronavírus atualmente desenvolvida pelos gigantes farmacêuticos Sanofi e GlaxoSmithKline.

"Um acordo para garantir o acesso antecipado a uma nova e promissora vacina contra o coronavírus foi anunciado pelo governo, aprimorando o crescente portfólio de candidatos a vacina do Reino Unido para proteger o público e salvar vidas", informou o Departamento de Negócios, Energia e Estratégia Industrial (BEIS) em comunicado.

“O acordo com a GSK e a Sanofi Pasteur, que combinadas têm a maior capacidade de fabricação de vacinas do mundo, fornecerá ao Reino Unido 60 milhões de doses de sua vacina contra a Covid-19, baseada na tecnologia existente de DNA usada para produzir a vacina da gripe da Sanofi”, acrescentou o comunicado.

Segundo o governo, este último acordo pode permitir que grupos prioritários sejam vacinados no verão de 2021 (meio do ano no Hemisfério Norte), caso o candidato à vacina Sanofi e GSK se mostre eficaz em estudos em humanos.

“Nossos cientistas e pesquisadores estão correndo para encontrar uma vacina segura e eficaz em uma velocidade e escala nunca antes vistas. Embora esse progresso seja realmente notável, permanece o fato de que não há garantias ”, afirmou o secretário de negócios Alok Sharma na quarta-feira.

"Enquanto isso, é importante garantir acesso antecipado a uma gama diversificada de candidatos promissores a vacinas, como GSK e Sanofi, para aumentar nossas chances de encontrar uma que funcione para que possamos proteger o público e salvar vidas", acrescentou.

Acesso diversificado

O governo do Reino Unido já assinou acordos para garantir o acesso a quatro potenciais vacinas em desenvolvimento, totalizando 250 milhões de doses.

"Por meio desse contrato com a GSK e a Sanofi, a Força-Tarefa de Vacinas pode adicionar outro tipo de vacina aos três tipos diferentes de vacina que já garantimos", disse a presidente da força-tarefa do governo, Kate Bingham.

"Essa diversidade de tipos de vacina é importante porque ainda não sabemos quais, se houver, dos diferentes tipos de vacina provarão gerar uma resposta segura e protetora ao Covid-19", acrescentou, alertando que o Reino Unido não deve ser complacente ou excessivamente otimista.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Envie Matéria pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp